Férias seguras: 9 tarefas que você não pode esquecer

Tempo de leitura: 6 minutos

Viajar é sempre maravilhoso, não é mesmo? No entanto, para ter férias seguras e evitar estresses desnecessários de última hora, é fundamental ter um bom planejamento de viagem.

Sabemos que a vida começa a ficar mais corrida com o passar dos anos e nem sempre temos tempo o suficiente para organizar os preparativos para a viagem.

Por isso, elaboramos este conteúdo: nele, você vai conferir 9 tarefas essenciais para realizar antes da viagem e ter férias seguras. Vamos lá?

1. Tenha atenção com todos os documentos e as reservas da viagem

Estar com a documentação em dia é fundamental para ter férias seguras. Verifique a validade do seu passaporte, afinal, muitos destinos exigem que ele esteja válido por pelo menos 6 meses após a data de retorno de viagem.

Também é preciso conferir a necessidade de visto para o país de destino. Nesse caso, é providencie a documentação quanto antes — é um processo que costuma ser bem demorado.

Outra dica interessante é tirar foto dos seus documentos, vouchers e reservas e salvar na Nuvem. Dessa maneira, em caso roubo ou furto, você tem a numeração dos seus principais documentos.

2. Esteja com o seu cartão de vacinação em dia para ter férias seguras

Para proteger a sua saúde é fundamental estar com o seu cartão de vacinação em dia (principalmente a vacina da febre amarela). Além disso, se você for viajar para o exterior é preciso conferir se o destino exige o Certificado Internacional de Vacinação (CIPV).

Isso porque algumas localidades exigem a imunização em dia (ou algumas vacinas específicas) com o objetivo de proteger a sua saúde e também as pessoas que estão ao seu redor. Então, é sempre importante conferir as exigências com antecedência.

Outro detalhe a ser considerado é com relação ao prazo dessas vacinas. Por exemplo, a vacina da febre amarela precisa ser tomada com no máximo 10 dias antes da viagem. Dessa forma, não vai adiantar imunizar-se um dia antes de embarcar, certo? Portanto, tenha atenção com esse assunto!

3. Contrate um seguro de viagem

Por mais que muitas pessoas queiram passar longe do seguro de viagem por considerar que é um gasto extra, é importante investir nesse recurso. Inclusive, ele é um item obrigatório para algumas viagens internacionais.

O seguro é importante porque você tem um plano de saúde de curta duração e também pode ser indenizado em casos de imprevistos, como extravios e danos na sua viagem.

4. Esteja atento às regras de bagagem da companhia aérea

Devido às novas determinações da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), as companhias aéreas têm a autonomia para determinar as suas próprias regras de bagagem (com relação aos pesos e medidas).

Por isso, na hora de escolher a mala, confira as regras específicas com a sua companhia aérea. Dessa forma, você evita complicações de última hora, incluindo taxas extras com excesso de peso e medidas.

5. Calcule a média de gastos

Libere o uso internacional dos seus cartões de débito e crédito. Além disso, leve sempre um cartão extra (ou dinheiro) em caso de acontecer algum problema com o banco.

Dessa maneira, uma dica interessante é separar um dinheiro vivo para levar com você na viagem. Caso o destino tenha outra moeda, avalie se vale a pena trocar o dinheiro no Brasil. Um cartão pré-pago também é uma ideia interessante, afinal, ele pode ser recarregado durante a sua viagem.

6. Tire os eletrônicos da tomada para ter férias seguras

Para evitar gastar muita energia e também para prevenir que os seus eletrônicos queimem em caso de tempestades, é fundamental tirá-los da tomada.

Aliás, você sabia que o Brasil é considerado o país dos raios? De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), são mais de 100 milhões de raios anuais. Portanto, melhor sempre prevenir, você concorda?

7. Faça uma limpeza pesada e avalie as pragas no seu imóvel

Nada pior do que retornar de viagem e encontrar a casa suja e infestada de pragas (como ratos, baratas e cupins), não é mesmo? Por isso, vale a pena investir em uma limpeza pesada para avaliar animais indesejados no seu imóvel.

Se for o caso, contrate uma empresa especializada em desinsetização, desratização e descupinização. Assim, você tem férias seguras, pode viajar tranquilo e não se preocupa com seres indesejados no retorno ao seu imóvel.

8. Arrume a mala com antecedência

Não deixe para arrumar a sua mala um dia anterior a sua viagem. É importante começar a organizá-la com uma semana de antecedência. Assim, se tem alguma roupa que você quer levar e está manchada ou descosturada, dá tempo de providenciar as reformas e lavagens necessárias.

Todas as roupas que você quer levar precisam estar limpas e passadas. Além disso, organizar a mala para a viagem é uma boa oportunidade para fazer uma limpa no seu roupeiro, doando as peças que você não utiliza mais e promovendo o bem-comum.

Ah! Preocupe-se com a limpeza dos seus sapatos também. Avalie se todos estão em boas condições para a viagem.

9. Pense na segurança da sua casa

Se a sua casa ainda não tem um bom sistema de segurança, como alarmes, cerca elétrica, sistemas de câmeras e até mesmo a contratação de um serviço especializado no assunto (como rondas), vale a pena dar uma atenção especial ao tema.

Afinal, um bom sistema de segurança inibe a atenção de bandidos e pessoas mal-intencionadas. Além disso, você fica sabendo de tudo o que acontece na sua residência — as imagens das câmeras da sua casa podem ser acessadas de forma remota no seu dispositivo.

O planeamento de viagem é o grande segredo para promover férias seguras. Ele é a garantia de que você não esquecerá de nenhum detalhe importante, tampouco, ser pego de surpresa com imprevistos. Então, saiba que se você seguir as nossas dicas, temos a certeza de que o seu passeio será bem tranquilo e memorável! Assim, é só curtir o melhor da estação!

Gostou de aprender mais sobre como promover férias seguras? Então, que tal conferir quais são os nossos serviços em segurança? Veja como podemos ajudá-lo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *