Como funcionam os serviços terceirizados em condomínios?

Pesquisar
Fique atualizado!
E receba em primeira mão todas as novidades do nosso blog.
Facebook

Portaria, jardinagem, sanitização, vigilância armada, rondista, serviços gerais e muitos outros. As opções de serviços terceirizados em condomínios, sejam eles residenciais ou comerciais, são diversas. Mas, apesar de essa prática ter se tornado comum, é importante entender como ela funciona. Essa mão de obra não pode ser um prejuízo no futuro.

Por isso, preparamos um artigo para você conhecer mais desse universo. Aproveite ao máximo essa experiência: direcione os custos e aumente a eficiência na execução dos trabalhos. Leia a matéria e entenda se a terceirização é a melhor opção para seu condomínio!

 

Serviços terceirizados em condomínios e suas atribuições

Como já falamos, são inúmeras as opções de serviços terceirizados oferecidos no mercado atualmente. Quase todas as demandas podem ser atendidas quando o assunto é condomínio.

Essa é uma solução muito adotada, já que as empresas oferecem funcionários treinados e capacitados. Além disso, fica a cargo da contratada montar a escala de trabalho de acordo com a sua necessidade. E é dela a responsabilidade de repor os funcionários que precisem se ausentar do serviço.

O condomínio apenas paga uma taxa mensal de acordo com o que foi combinado. E a empresa deve inclusive acertar salários, horas extras, impostos e todos os encargos dentro da lei. Preparamos uma lista com as atribuições principais nessa modalidade de contrato.

 

Responsabilidades da empresa

  • Selecionar e oferecer colaboradores dentro do perfil de cada função designada pelo condomínio.
  • Repor funcionários que precisem se ausentar, evitando que o local fique sem alguém para executar aquela função.
  • Planejar a escala de trabalho de acordo com as necessidades do condomínio de forma eficaz e econômica.
  • Treinar constantemente os funcionários e torná-los aptos para realizar cada atribuição.
  • Fornecer todos os equipamentos de trabalho necessários para a execução de cada tarefa.
  • Cumprir o contrato com o condomínio.
  • Direcionar os funcionários e dar feedbacks periódicos.
  • Retirar dos postos de trabalho funcionários com feedbacks negativos e substituí-los por outros bem instruídos.

 

Economia e segurança para os condomínios

Como em qualquer outro, nos serviços terceirizados em condomínios as despesas são totalmente variáveis. Dependem do tipo de mão de obra contratada, do tipo do condomínio, e por aí vai. Na ponta do lápis, você pode perceber que terceirizar os serviços não vai reduzir drasticamente os seus gastos.

Os salários e benefícios que as terceirizadas pagam aos funcionários são mais altos do que se eles trabalhassem diretamente nos condomínios. Isso porque elas exigem qualificação, comprometimento e aperfeiçoamento da atuação deles em suas atribuições.

Outro fator importante: os condomínios não precisam se preocupar com equipamentos e produtos necessários para executar as funções. Em teoria, o condomínio apenas paga sua taxa mensal para receber um serviço de qualidade. E é aí que está o maior benefício. Isso garante um melhor direcionamento dos seus gastos e a segurança dos colaboradores através da empresa contratada.

Você também não precisa correr atrás de alguém para suprir a ausência de algum funcionário. Isso significa menos prejuízos – de tempo e de dinheiro – com o não cumprimento das funções. Algumas delas inclusive estão diretamente ligadas à segurança das pessoas que moram no local e confiam no seu condomínio.

 

Fique atento a alguns detalhes

Empresas que oferecem serviços com preços abaixo do mercado em geral estão remunerando mal seus funcionários. Ou então trabalhando com equipamentos e produtos de qualidade duvidosa.

Por isso, é importante fiscalizar o pagamento de salários e benefícios de serviços terceirizados em condomínios. E também o investimento em tudo o que faz parte das atividades – como produtos, qualificações e treinamentos de novos colaboradores. Isso vale mesmo depois de assinar o contrato.

É responsabilidade do condomínio verificar se as escalas são cumpridas, assim como a qualidade nas entregas e na estrutura oferecida. Tudo o que estiver fora do que foi acordado deve ser relatado o quanto antes. E exige medidas corretivas.

Uma dica de ouro: em qualquer situação, exija um contrato minucioso. Ele deve ter a descrição de todos os serviços contratados e das atribuições dos funcionários. Além disso, tenha boas referências da empresa antes de assiná-lo.

Quer saber mais sobre como funcionam os serviços terceirizados em condomínios? Entre em contato conosco!

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Últimas Notícias